• Patricia Viciana

Zagreb metrópole multicultural

Atualizado: 21 de Fev de 2019



Principal centro econômico , e universitário do país , Zagreb tornou- se capital da Croácia somente em 1991 . Equanto ainda era Iugoslávia , a capital era Belgrado ( Sérvia ) .

Vida cultural e parques não faltam por lá ... possui mais de 20 museus , 10 teatros , 350 bibliotecas , avenidas amplas e bem arborizadas .


Geografia

Zagreb fica entre a Planície Panónica e, os Alpes e a região Dinárica , conseguindo juntar o espírito continental e o mediterrâneo , criando uma atmosfera ímpar e apaixonante ..... Pesquisas arqueológicas confirmam a existência humana ao redor de Zagreb na Idade da Pedra , cerca de 35000 a.C . Vestígios posteriores comprovam a chegada dos Llírios - que eram os índios desta porção da Europa . Os Celtas chegaram provavelmente no século 4 a. C .E depois deles , os Romanos constroem perto de Zagreb um grande centro organizado - Andautonija .

Fundada na Idade Média a cidade foi dividida em 2 partes : Gornji Grad ( Cidade Alta ) e o Kaptol Sacro . A Cidade Alta tem uma variedade de museus como o de História Natural, de História Croata e de Arte Naïf. Mas o grande destaque fica com o Ateliê Mestrovic , um casarão do século 17 , que guarda um grande acervo de Ivan Mestrovic , o artista mais renomado do país , que viveu e trabalhou nesse endereço. Grandes esculturas ocupam salões , quartos e jardins da propriedade .


Em relação aos esportes , Zagreb vem se destacando. Na região de Medvednica (região montanhosa ) durante o inverno acontecem corridas de ski , e em outra região hospeda um torneio de tênis Indoor .


Mas com tantas opções , o que fazer em Zagreb ??

✔︎ Museum of Broken Relationships ( Museu dos Corações Partidos ) – apresenta um acervo de memórias de relacionamentos destruídos , onde pessoas do mundo todo pudessem doam objetos que simbolizassem o fim de uma história a dois (não necessariamente um romance) Cerca de 50 objetos estão expostos em salas brancas , com placas explicativas sobre a história do relacionamento em questão ,o porque chegou ao fim e o significado do objeto . Há sapatos sensuais , vestidos vermelhos , bichos de pelúcia e objetos bem menos românticos , como um anão de jardim e um machado . Visite o site do museu , e saiba horários e valores :






✔︎ Igreja de São Marcos - No centro da Praça Markov, está a Igreja de São Marcos , um dos ícones do país , com seu teto ornamentado por telhas coloridas , que formam figuras geométricas e o brasão de armas medieval da Croácia , Dalmácia e Eslovênia , à esquerda , e o emblema de Zagreb à direita . De um lado da igreja , fica o Sabor , o Parlamento croata e , do outro, o Banski Dvori , que é sede da Presidência da República .


✔︎ Torre LOTRŠČAK - Essa torre medieval com mais de 300 degraus , tem uma das vistas mais lindas de Zagreb , e conserva uma tradição curiosa : um canhão que desde o século 19 , é disparado todos os dias , ao meio - dia .

Em meados do século 13 , os Tatares ( turcos ) devastaram a Hungria, e o rei Béla foge para Zagreb , onde consegue abrigo . Em agradecimento , o rei em 1242 , proclama Gradec uma cidade real autônoma . Simbolicamente essa data é recordada todos os dias nessa Torre , com o tiro do canhão .



✔︎Praça Kaptol - Essa famosa praça sedia a Catedral da Assunção da Virgem Maria, de 1899, com suas torres que podem ser vistas de praticamente qualquer lugar. No interior ainda há resquícios da igreja medieval que ocupava o espaço até um forte terremoto ter destruído praticamente tudo no século XVII.

Foi construída no estilo neo - gótico , e preserva as muralhas renascentistas ao seu redor .







✔︎ Portão de Pedra ou Kamenita Vrata - Hoje o local transformou - se em um santuário .

Na época medieval , durante o crepúsculo , os habitantes eram chamados pelos sinos para voltar a segurança da fortificação , fechando as portas da cidade com chave . A única porta preservada no Gradec , sistema de proteção medieval é a Porta da Pedra ( Kamenita Vrata ) , que ardeu completamente em 1731 , salvando-se o ícone da Nossa Senhora do Portão de Pedra , que ainda hoje está no altar . A Nossa Sra. do Portão de Pedra , é a padroeira de Zagreb , comemorando - se em 31 de maio , com uma procissão . No mesmo dia , comemora-se o Dia da cidade de Zagreb .


✔︎ Rua TKALČIĆEVA - ruela repleta de bares, cafés e restaurantes com mesas ao ar livre . A noite , aos finais de semana e no verão fica bem animada .

Mas essa rua , guarda histórias nada católicas .... Foi construída sobre um córrego que separava as cidades medievais Gradec e Kaptol , antigas rivais que hoje formam a Cidade Alta , era a antiga zona de prostituição da cidade , com inúmeros bordéis .



CIDADE BAIXA ✔︎ TRG JOSIPA JELAČIĆ - Essa praça é o coração de Zagreb , cerca de bares, restaurantes e grandes lojas de departamento e grifes de luxo .



✔︎ Mercado Dolac - Próximo a praça Josipa Jelačića , há quase 1 século , há um mercado que vende frutas , embutidos , laticínios e artesanato . É um bom local pra provar a culinária croata .



✔︎ Parque ZRINJEVAC - Seguindo pela Rua Zrinjevac a partir da praça principal, chega-se ao parques Zrinjevac, uma grande área verde que se estende quase até a estação de trem da capital, conhecida como conjunto de parques em forma de "U " ou de " Ferradura ". Nos arredores ficam importantes prédios, como o Museu de Arqueologia e a Suprema Corte. No centro do parque fica a Academia Croata de Ciências e Arte . Aos finais de semana os croatas passeiam pelas praças / parques e aproveitam para curtir concertos ao ar livre .







✔︎ Parque Kralja Tomislava - fica o Pavilhão de Arte . Fica próximo a Estação de Trem de Zagreb


Hotelaria

O ideal é ficar bem localizado , próximo aos pontos turísticos para sassaricar a pé ...

- International - hotel mais moderno . Com um delicioso restaurante , boa localização ( próximo ao Jardim Botânico ) , quartos amplos e limpos . Fiquei hospedada neste hotel . - Esplanade Zagreb Hotel – o hotel mais clássico e tradicional da cidade . A localização é muito boa , bem ao lado do Jardim Botânico , pertinho dos principais parques e do Teatro Nacional . - Hotel Dubrovnik – este hotel já é bem mais moderno , mas é também super bem localizado, em uma rua exclusiva para pedestres .




Quanto tempo de estadia ?

2 dias inteiros são suficientes para conhecer os principais pontos turísticos .


Alimentação

Fartura de frutos do mar , massas e queijos .

Se você gosta de frutos do mar , não deixe de provar os mexilhões . São divinos !!! 😋😋

Entre os pratos típicos : punjena paprika (pimentão recheado) , zagrebacki odrezak (bife de vitela empanado e recheado com presunto e queijo) e espaguete à Eslavônia - semelhante ao molho carbonara ( o bacon é substituído pelo kulen - embutido croata temperado com páprica ) . Para acompanhar , cervejas tipo pilsen , da escola tcheca , e grasevina , além do vinho branco típico do país .



Compras

As lembranças mais originais de Zagreb são :

- Gravata - Mais uma das invenções dos croatas . No século 17 , os soldados croatas chamaram a atenção dos franceses com os lenços elegantes no pescoço .


- Colar com a réplica do botão do traje dos soldados croatas ;


- Coração de Zagreb - segundo a tradição o jovem croata entregava a sua amada esse coração que possui um espelho ....e dizia a ela para ver quem morava em seu coração , e lógico que a jovem se via no espelho . Era dessa forma romântica que muitos namoros começavam....


- Bonecos com trajes típicos de cada região do país , recheados com flores de lavanda seca , que ao serem atritadas , exalam o seu perfume delicado por todo ambiente .






#Croácia #Capital