• Patricia Viciana

Baku , a capital do Azerbaijão : Contraste entre o Clássico e o Moderno




Pouco conhecido e explorado pelo turismo , o Azerbaijão é um roteiro diferenciado para quem se aventura a explorar um país no continente asiático . Atualmente independente , o país já foi membro da União Soviética e possui uma história riquíssima , que remonta ao Império Persa e Turco .

mini Veneza -Baku

Baku , a moderna capital do País , está localizada a 28 metros abaixo do nível do mar, o que a torna a capital nacional mais baixa no mundo e também a maior cidade do planeta nesta condição .

Preserva um centro medieval fortificado , onde encontra-se o Palácio dos Shirvanshahs do século 15 , e a centenária Maiden Tower - construção de pedra que domina o horizonte da cidade .

Prédios com estética futurista , com uma pitada de sofisticação refletem as tradições persa . Até o Grande Prêmio de Fórmula I acontece por aqui .

Localização : O Azerbaijão fica no Cáucaso , área entre Europa e Ásia denominada Eurásia , e faz fronteiras com Armênia a oeste , Rússia e Geórgia ao norte , o Mar Cáspio (que na verdade é um lago salgado) a leste e Irã ao sul . Seu território é um pouco maior do que o estado de Pernambuco ( Brasil ) . Baku , a capital , encontra-se na Europa , mas 50% do país é asiático . As margens do Mar Cáspio , as construções seculares se mesclam com edifícios modernos , de fachadas envidraçadas .


Baku



História :

O Azerbaijão sofreu invasões turcas , árabes , persas , mongóis , bolcheviques , russas e otomanas garantindo um mix cultural . Os azeris falam uma língua similar ao turco , tem características físicas e religião similar aos iranianos , mas adotaram a cultura , modo de vida e liberalidade dos russos , já que fizeram parte da antiga União Soviética .

O Azerbaijão mantém fechada a fronteira com Armênia por questões de disputa territoriais . Baku , em persa , significa : “cidade fustigada pelo vento” ou a “montanha de Deus”. Em turco seria “cidade principal”. É uma terra de contrastes , coberta por desertos de pedra e areia , com depósitos de gás natural , que através de fissuras o fogo surge espontaneamente . Essa magia encantou persas , indianos e os povos do Cáucaso , que queriam chegar à “Terra do Fogo” e fazer oferendas aos deuses do Zoroastrismo , Animismo e Hinduísmo .

Possui grandes reservas de petróleo às margens do Mar Cáspio , de onde um dos melhores caviares do mundo é extraído . Povos antigos deixaram suas pinturas rupestres , templos e petróglifos . E vulcões de lama , picos nevados , rios e geleiras , também fazem parte do cenário desse País . Pouco se sabe sobre a história do país até a sua conquista e conversão ao Islã pelos árabes em 642 d.C . Com a ocupação árabe , durante séculos prosperaram , mas após seu declínio , os mongóis invadiram e devastaram o País . Durante os séculos 13 , 14 , e 15 , entre os governos dos clãs mongóis e da dinastia Safávida da Pérsia (Irã) , se reergueu .

Baku



O que fazer ?


Cidade Antiga - Ichari Shahar :

Local declarado pela Unesco como Patrimônio Mundial , o cenário ajuda a voltar no tempo entre os séculos 11 e 12 . A Cidade Antiga é fortificada , cercada por muralhas , preservando as charmosas características tradicionais , muros de pedras e a Torre da Donzela se mesclam com diversos restaurantes , casas de chá e bares , além de variadas lojas de sovenires e produtos típicos — como tapetes , lenços de seda e antigos broches soviéticos . Perca - se pelas ruelas e conheça pontos famosos que merecem destaque:


🇦🇿 Double Gates – A cidade fortificada possui vários portões de entrada , mas o este é o principal , você encontra estacionamento , vários restaurantes e muitas barraquinhas de souvenires .






Baku

🇦🇿 Maiden Tower – Principal ponto turístico da Cidade Antiga , a “Torre da Donzela” tem um formato cilíndrico , aproximadamente 30m de altura e do seu terraço é possível admirar uma linda vista para a orla de Baku . Para subir é necessário pagar.

torre da Donzela


Torre da Donzela













🇦🇿 Shirvanshah’s Palace – Palácio construído no século 15 , que atualmente é um museu . Sua entrada também é paga.



🇦🇿 Boulevard ou Beira Mar - Com 25km de extensão , o Baku Boulevard é como uma grande praça , cheio de fontes e lindos jardins , margeiando o Mar Cáspio , sendo possível ver as Flame Towers . Caminhe apreciando a brisa do mar , e vá até a mini Veneza , o museu do Tapete e o Shahidlar Monument (um monumento dedicado aos heróis nacionais, que fica na parte alta da cidade e também rende uma bela vista).

Na Mini Veneza – pode - se fazer um passeio de gôndola ( motorizada) pelos canais ;


Mini Veneza Baku


Mini Veneza Baku


🇦🇿 O Museu Nacional do Tapete tem mais de 10 mil itens em exposição , inclusive maravilhosos tapetes persas (a região já ficou sob domínio persa) .







🇦🇿 A Baku Eye é uma roda gigante, de onde pode-se avistar toda Baku .



Baku a noite




🇦🇿 Flame Towers - são 3 prédios moderníssimos , os skyline (mais altos ) de Baku que reúnem apartamentos , escritórios , restaurantes e um hotel- Fairmont Flame Towers . Os prédios têm a forma de chamas de fogo e são totalmente espelhados . Durante a noite , as 3 torres são iluminadas por mais de 10 mil LEDs de alta potência, acendendo como chamas de verdade . Um verdadeiro espetáculo .












🇦🇿 Upland Park - Alameda dos Mártires - Pegando o funicular ou subindo infinitas escadas (250 degraus) , você chega à esse parque na região alta da cidade e ao lado do Hotel Flame Towers , de onde pode-se ter uma vista generosa de Baku . Essa alameda beira o cemitério que é um memorial em homenagem aos soldados mortos e civis desde a 1º Guerra Mundial e principalmente àqueles que morreram no chamado “janeiro negro”, em 20/01/1990 . No final da Alameda dos Mártires está o Shahidlar Monument , ou​ monumento da Chama Eterna , onde uma pira nunca se apaga . No complexo , há o edifício principal do palácio - a mesquita Shah Mosque e o cemitério Shirvanshah’s Burial Vault , onde estão os túmulos da família Shirvanshah . Próximo dali , está o Museu dos Livros em Miniatura , e conta com 4,7 mil livros em miniatura de 64 países . Os menores livros são 3 mini livros de 2×2 mm , publicados no Japão . O Centro Cultural Heydar Aliyev , leva o nome do ex-presidente do país e cujo formato da edificação foi baseada em sua assinatura . Ali dá para conhecer mais sobre a história , a sociedade e a cultura do Azerbaijão . Pra quem gosta de compras, tem dois Shoppings próximos, um com lojas mais caras e outro com lojas mais normais, além da Nizami Street, por onde também é bem agradável passear e, além das lojas, há muitos restaurantes. Park Bulvar é o mais famoso entre os outros, pois está localizado na área de Baku Boulevard. É considerado como o 1º shopping center moderno que foi construído em Baku . O shopping mais famoso é o 28 Mall , que está localizado bem perto da estação de metrô de Baku . O Ganjlik Mall é considerado o maior shopping center da cidade. Ele está localizado apenas perto da Estação de Metro de Ganjlik de Baku Subway . Há também uma entrada direta do metrô para o shopping. Port Baku Mall se refere aos clientes premium e oferece marcas e restaurantes de luxo. No entanto, é possível encontrar algumas marcas para a classe média também. Além disso, a localização do Port a Baku Mall é considerada um dos pontos turísticos de luxo da cidade e é possível encontrar as lojas da Ferrari, Porsche e muitos outros carros de luxo nas proximidades. Vá a Nizami Street , principalmente à noite , rua muito movimentada , tem uma iluminação lindíssima , recheada de lojas e restaurantes . As estações de metrô ( de nomes quase impronunciáveis) , cada uma tem uma arquitetura diferente , que chamam a atenção pela beleza e limpeza .

**Dica : ao fim de tarde , vá para um dos restaurantes , tome um típico chá Azeri , servido com vários acompanhamentos (frutas secas , nozes , avelã e doces típicos) e espere o anoitecer , para assistir o show de leds do Flame Towers .


Bondinho de BAKU








Vista de Baku






Museu dos Microlivros






🇦🇿 Mercado de Baku - tem de tudo , é ótimo para comprar enfeites para casa , inclusive cristais , e souvenires .




🇦🇿 Atashgah Fire Temple ou Templo do Fogo - um local de culto , frequentado pelos hindus ( sikhs ) e , pelos zoroastrianos , foi construído no século 17 e também é Patrimônio Mundial da Unesco .

Essa fortificação em forma de castelo , tem o fogo localizado no centro , enquanto as salas do museu cercam o próprio templo .

O templo apresentava uma chama eterna natural ,mas , a chama eterna se apagou em 1969 após 1 século de exploração de gás na área circundante . Agora , o fogo é aceso novamente através de um cano de gás conectado de outra cidade .

Tem um bom restaurante : Plov!o


Templo do Fogo Baku





🇦🇿Yanardag - é a montanha da chama eterna , local onde o gás natural mantém o fogo aceso ininterruptamente há mais de mil anos .



Yanardag

Yanardag





Yanadarg



🇦🇿 Gobustan National Park , pode-se ver arte rupestre , e um museu .

Vulcão Mud - há vulcões ativos que , ao invés de lava , há lama borbulhante . Qobustan (Gobustan National Park) e Vulcão Mud, são relativamente próximos .

***Dica : leve água e comida . Não há restaurante no local . 🇦🇿 Complexo Arqueológico e Etnográfico de Qala - um castelo com uma torre alta , um museu com exposições itinerantes , escavações arqueológicas e construções que demonstram como era a vida séculos atrás , como se fazia pão , cerâmica , como eram os cômodos das casas .




Como chegar ?

Não existem vôos diretos do Brasil para o Azerbaijão .

A melhor opção é ir via Europa , e de lá pegar uma conexão para Baku .

A cidade está conectada com a Turquia , lar de uma das maiores companhias aéreas do mundo , a Turkish Airlines , sendo tranquilo encontrar um vôo de qualquer lugar para Baku via Istambul ou Ancara .

Você poderá voar direto do Reino Unido pela Azerbaijan Airlines , de Paris pela AirFrance ou de Frankfurt pela Lufthansa. Dos EUA , não há vôo direto para Baku , mas você pode voar pela Turkish Airlines para Istambul ou Ancara e transferir para Baku a partir daí . Da Ásia , não há vôo direto do Extremo Oriente para Baku , mas a região é bem conectada via Turkish Airlines , de modo que você pode voar para Baku via Istambul ou Ancara . Outras companhias aéreas do Oriente Médio como Qatar, Emirates e Etihad Airlines também são uma ótima opção.



Se você já estiver no Cáucaso , pode viajar de Tbilisi ( Geórgia ) para Baku em um trem noturno , levando cerca de 12 horas a viagem . O trem sai de Tbilisi diariamente às 20h35 e você chegará a Baku às 9h do dia seguinte . Você passará pela imigração por volta das 23h . Os valores da passagem variam de acordo com o nível do conforto, quarto individual ou aberto .

***Dica : O ônibus Airport Express 24/7 leva do aeroporto à Estação Central de Baku e vice-versa . O Airport Express sai a cada 30 minutos , das 6h às 19h . Das 19h às 21h , sai a cada 40 minutos e das 21h às 6h , a cada hora . Para entrar no ônibus , você precisará ter o pagamento eletrônico BakuCard , que pode ser adquirido em uma máquina no lado esquerdo da saída do terminal , em frente ao aeroporto , próximo ao ponto de ônibus . Na máquina existem 2 opções :

- cartão de papel - 2x para o Airport Express ;

- cartão de plástico que podem ser carregados e utilizados nos ônibus , metrôs , museus da cidade , e descontos em restaurantes . Depois de obter o cartão, vá para o ônibus e toque no ícone do cartão na máquina e veja o saldo restante . https://bakucard.az/ O Airport Express deve levar cerca de 45 minutos para fazer o trajeto ao ponto de ônibus de 28 de maio , em frente à Estação Central de Baku e , a partir daí , você pode caminhar ou pegar um táxi, de preferência usando Uber ou Bolt . https://www.google.com/maps/place/Baku/@40.379484,49.8487743,17z/data=!4m5!3m4!1s0x40307d092677e165:0x6c1e5da0b5397d38!8m2!3d40.3802409!4d49.8495298



Como se locomover ? Existem 3 linhas de metrô em Baku , que passam pelo centro . Táxi (via Bolt) : o Bolt é um aplicativo de chamada de táxi que funciona exatamente como o Uber ou o Grab e é a maneira mais conveniente de se locomover em Baku .





Baku - Old city







Vistos O Azerbaijão não faz parte da União Européia . Brasileiros precisam de visto para o país . O processo é totalmente online para o visto regular que sai em até 3 dias úteis . Uma forma bem simples de adquiri-lo é através do site EVisa (em português) ou no site do Azerbaijão (inglês) . Caso seja necessário consulte a Embaixada do Azerbaijão : Fica em Brasília Telefone :+55-61-32539803 Email : embaixada@azembassy.org.br **** Mesmo com o visto em mãos , o Azerbaijão recusa a entrada de pessoas que tiverem carimbos do território de Karabakh , uma área do país sob ocupação da Armênia . Pessoas com visto simples da Armênia geralmente não encontram problemas na fronteira , mas caso você pretenda visitar ambos os países , convém ir primeiro ao Azerbaijão . https://evisa.gov.az/en/


Baku


Língua : A língua oficial é o azeri . Em virtude da influência soviética , milhares de azerbaijãos adotaram o russo como segunda língua .






Baku

Moeda : Manat





Religião : 93 , 4% , são seguidores da religião muçulmana e o restante divide-se entre cristãos da igreja ortodoxa russa e da igreja apostólica armênia .









Quanto tempo ? Baku é uma cidade pequena e com 2 dias é possível conhecer toda a região turística . *** Dica : O Baku City Pass concede entrada gratuita para museus , passeios de metrô , ônibus , e descontos em muitos dos restaurantes


https://bakucard.az/








Quando ir ?

Baku é conhecida como a Cidade do Vento , e pode ficar extremamente ventosa a qualquer época do ano , portanto , prepare-se , sempre carregue um corta -vento .

A melhor época para visitar Baku , é na primavera (Maio ao início Julho ) ou no outono (fim de Agosto ao início de outubro ) , onde a temperatura é moderada e as cores das florestas e montanhas estão bem verdes . Baku é cercada por terrenos desérticos e , pode ficar bastante quente no verão( Junho a Setembro ) e extremamente frio no inverno ( Novembro a Março ) . Baku também é conhecida como a Cidade do Vento e pode ficar extremamente ventosa a qualquer época do ano, portanto, esteja preparado quando estiver visitando Baku.

Templo do Fogo


Celular e Internet

Azercell é uma ótima opção de cartão SIM local para comprar. Já compreno aeroporto quando chegar . O preço depende da quantidade de dados necessária. O Wi-Fi está disponível praticamente em todos os locais turísticos.






Hotéis : Sem duvidas o melhor lugar para se hospedar em Baku é no centro da cidade , próximo à Cidade Antiga . Por ali existe uma infinidade de hotéis , muitas lojas , restaurantes e você vai conhecer praticamente todos os pontos turísticos a pé .

Freedom Hostel - 4 USD / Noite (Dormitório) | 15 USD / Noite (Quarto Econômico) - fica ao lado da principal estação ferroviária e a 15 minutos a pé da Cidade Velha . Tem camas confortáveis , recepção 24 horas , área comum espaçosa , quartos espaçosos e uma agradável varanda com vista para as ruas movimentadas de Baku .Foi bastante recomendado . Mas nao deixe de ir até Baku Flame Towers a noite ....é um show a parte !! Se puder se hospedar melhor ainda !


Baku Flame Towers

Fuso Horário :

+7 hrs do horário de Brasília .















Comida :

Na culinária pode-se notar bastante influência soviética e turca . Peixes e frutos do mar também entram no cardápio . Ervas aromáticas temperam as comidas . Conheça alguns Pratos e Bebidas Típicos : Lavengi – Frango , peixe ou carneiro recheado com ervas e nozes ; Buglama – Cozido de carneiro e vegetais (dependendo da época do ano) damascos e cerejas são incluídos no preparo; Govurma – Carneiro frito em manteiga com especiarias e frutas ; Dushbere – Sopa à base de caldo de frango ou carne , temperada com hortelã e com massinhas recheadas tipo capeleti ; Kabablar – Kebabs diversos , incluindo uma variedade à base de berinjelas ; Doner – Tradicional “churrasquinho grego” do oriente médio , servido com maionese e ketchup ; Gutab – empanadas servidas com recheio de carne , queijo, vegetais ou legumes. Na região de Sumgayit há uma variedade servida com recheio de carne de camelo ou miúdos de cordeiro ; Hómus - pasta feita a base de grão de bico .




Compras :

Barganhar !!!!

Não se esqueça de negociar com o fornecedor antes de comprar qualquer coisa . Faz parte da cultura deles !!! Visite o Yashil Bazaar , que é um enorme mercado onde você encontrará uma boa variedade de frutas frescas , especiarias coloridas. https://www.google.com/maps/place/Ya%C5%9F%C4%B1l+Bazar/@40.3819077,49.8504059,4438m/data=!3m1!1e3!4m5!3m4!1s0x0:0x86c6fd9527bc4d18!8m2!3d40.3852629!4d49.8543262




O que levar na mala ?

Além do kit de proteção solar : óculos de sol , boné e protetor solar , idependente da estação do ano , não esqueça de levar uma jaqueta corta vento .

Roupas leves , confortáveis e um bom tenis para poder caminhar tranquilamente pela cidade .

**Dica : Sempre leve na mala uma capa de chuva .

Se for mulher, coloque na sua mala uma pashimina , vai bem em qualquer ocasião , tanto de dia como de noite , e além de dar um certo estilo a sua produção , te proteje caso esfrie a temperatura .








Baku


1 comentário